Recomeçar

   Hoje quando estava do lado de fora do abrigo de crianças onde trabalho, fiquei olhando para um dos meninos, (que agora não é mais menino) que estava indo para o cursinho pré-vestibular, e fiquei imaginando que ali estava indo uma nova criatura, uma nova pessoa, alguém que poderia ter tido uma vida curta, um cara que poderia ter sido um presidiário ou mesmo não poderia ter sido nada, apenas estatística nas paginas policiais. Mas ali naquela estrada, estava indo um jovem que estava a caminho de um novo futuro, de uma vida que para muitos é o normal, mas que no caso dele chama-se caminho da vitória.

   Esse rapaz que estou falando tem nome, mas vou chama-lo aqui de Garoto, e garoto esforçado, respeitador, esperançoso, habilidoso com os pés no futebol, mas que um dia foi apenas um garoto de rua igual aos tantos que temos nas ruas de todas as cidades do nosso Brasil.

   O Garoto que estava a caminho do cursinho pré-vestibular é fruto de corações voluntários de pessoas que um dia gastaram seu tempo, seus recursos, sua paciência e foram resilientes no trato desse Garoto, na reabilitação de um menino delinquente.

   Na primeira carta aos Coríntios, Paulo disse: “Eu plantei, Apolo regou, mas Deus deu o crescimento”. Eu pude ver esse versículo sendo cumprido na vida do Garoto indo ao cursinho; eu pude ver ali alguém que Paulo, João, Maria, André, Pedro, Simone, Marta, e outros dizerem: Eu plantei e Apolo, Mateus, Mati, Julie regaram e o próprio Deus deu o crescimento dessa semente valiosa, que hoje tem nome e respeito como cidadão.

   Investir no Reino de Deus muitas vezes parece loucura, pois é uma poupança sem rendimentos, é um fundo de pensão sem renda, é um investimento dos menos lucrativos na terra, mas que produz um orgulho enorme no coração dos investidores; O sentimento que eu tive hoje, quando vi aquele Garoto indo ao cursinho, era de muito orgulho, de dever comprido, de está lucrando no meu investimento.

   Quando trabalhamos com recuperação de pessoas, muitas vezes, da vontade de deixar de lado, pois parece que eles não têm mais jeito. Um dia eu disse para uma amiga, que, com recuperação de adultos eu não queria trabalhar nunca mais, pois é muita frustração para uma só pessoa. Hoje trabalhando com recuperação de crianças e adolescente, tem dias que estou a ponto de dizer o mesmo, rs.

   Acreditar na mudança é muito difícil, e fazer parte dessa mudança é mais difícil ainda, pois requer muito esforço físico, emocional, financeiro entre outras coisas mais; mas creio que quem nos anima a ir em frente é Deus, quando nos deixa ser testemunha ocular de sementes que foram cultivadas, regadas e que hoje está dando fruto.

   Para mim e para muitos, ver esse Garoto indo a um cursinho pré-vestibular é uma injeção de animo da parte de Deus em minha vida, de poder saber que não estou investindo meu tempo em uma coisa falida, estou me doando para algo que realmente pode me surpreender com suas mudanças, que são vidas de pessoas.

   Eu quero encorajar você, que não teve o privilegio de ver esse Garoto indo ao cursinho, mas que acredita nas minhas palavras, a continuar acreditando nas pessoas, investindo seu tempo, suas orações, suas finanças, pois aqueles a quem Deus colocar em seu coração para acreditar e dar algumas segundas chances Dê, pois a esperança é que faz de nós Cristãos mais parecidos com Cristo.


Joberson Lopes, Recife 25 de março de 2014.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s