Orgulho ferido

     Outro dia uma pessoa pediu para eu olhar seu carro e falei o que poderia ser o defeito, pois da forma que estava acontecendo com o carro, poderia ser varias coisas, mas essa pessoa no outro dia levou seu carro para outro mecânico que já tinha arrumado o carro antes, e o mesmo descobriu que ele tinha deixado uma mangueira de ar desligada; Depois de o carro arrumado o dono do carro falou comigo que eu não sabia nada de mecânica, pois o que tinha dito que poderia ser não era e isso mexeu com meu orgulho.

    Acredito que todos nós temos orgulho de ser o que somos, de exercer a profissão que temos, temos orgulho do que nosso filho faz, estuda, pratica, temos orgulho da escolha de vida que fizemos, temos orgulho da casa que escolhemos para morar, temos orgulho de vestir aquela roupa entre outras coisas mais.

    Muitas pessoas simplesmente não se dão conta que às vezes, querendo ou não, ferem o orgulho do seu irmão, dizendo que: Você deveria ser professor em vez de ser oculista, deveria vestir roupas mais escuras e menos claras; Você compartilhar que seu filho é um bom jogador de futebol e sem noção diz: “porque você não viu o filho de fulano”.

    Viver entre pessoas requerer aceitar as escolhas dos outros, requer de nós mais atenção ao que os nossos amigos estão dizendo, pois o que pode parecer sem importância para você é algo de grande estima para quem você gosta, para seu amigo, para seu pastor, sua esposa, sua mãe, seu vizinho.

    Se você não gosta da forma como a pessoa se veste ou a profissão que ela escolheu, o penteado, não precisa sair expondo sua opinião de qualquer forma; acredito que podemos dizer para as pessoas as nossas preferencias, mas isso não significa que a preferencia do outro seja ruim porque é diferente da nossa.

    Saber falar o que pensa em relação ao próximo é uma virtude que muitos precisam aprender a ter, para não sair magoando pessoas por ai, muitas vezes sem saber; Viver é uma arte e quando se vive em comunidade como estou vivendo agora, a arte é ainda mais fina, pois tenho que ter muita cautela com o que vou dizer.

    Temos que ter cuidado ao opinar sobre o orgulha do próximo, pois mexer no orgulho alheio pode custar um pedido de perdão, uma amizade desfeita.

    E dependendo de onde venha essa opinião contraria ao que nos traz orgulho, pode marcar por uma vida toda. Por exemplo, se você for pai e como tal é figura de autoridade na vida de seu filho a sua opinião tem muito mais valor do que qualquer outro que não tem essa responsabilidade, com isso você dever ter cuidado redobrado quando for dizer o que pensa ao seu filho.

    Posso falar com tranquilidade do meu exemplo citado acima, pois não teve tamanha importância, pois essa pessoa em questão não significa muito para mim, então sua opinião não vai mudar em nada na minha vida, apenas usei o exemplo para poder conversar sobre o assunto.

    Então pense em como você tem falado o que você pensa para a pessoa que te admira, para a pessoa que te ama, para quem tem você como figura de autoridade, pois sua opinião pode mudar para melhor ou para pior a vida de uma pessoa.

    Aprender a compreender a opinião alheia é um gesto de amor, pois quando respeitamos o próximo, estamos mostrando que temos as marcas de Cristo em nossas vidas e mesmo pensando totalmente diferente, podemos conviver e aceitar as escolhas alheias, mesmo que isso não tenha sentido na sua maneira de pensar.
Joberson Lopes Lindale, Texas-EUA 08 de abril de 13.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s