Ser criança em mundo de adulto


Ser como uma criança… Ate a onde conseguir o saber que não acabe com a inocência?
Como podemos ser pessoas inteligentes, ser excelentes profissionais, tirarmos as melhores notas na escola, ter um texto publicado, ser um escritor de renome, ser um pregador de “multidões”, ser primeiro lugar no vestibular de medicina da USP, ser o melhor jogador do mundo, ser rei da musica Pop ou qualquer outra coisa grandiosa e mesmo assim, ainda mantermos nossa inocência?
Os discípulos de Jesus estavam discutindo entre si, dizendo quem deles seria o maior no reino dos céus, e Jesus sabendo da intenção do coração deles, tomou uma criança e colocou entre eles e disse: “Quem não se tornar como uma pequena criança, não entrara no reino dos céus”.
O que Jesus pretendia ensinar com essa analogia? Será que temos que ser manipuláveis como criança, ou frágeis, ou inocentes, ou ingênuas? O que uma criança tem de tão especial que a faz entrar no reino do céu e ainda servir de exemplo para nos adultos?
Domingo fui à igreja e estava ajudando a professora das crianças em um determinado momento e ela me pediu para levar uma criança ao banheiro para fazer xixi, e quando chegamos lá, ajudei ele baixar a roupa e ele fez o xixizinho sem qualquer constrangimento e depois o levei de volta a sala de aula e continuo a brincar, depois fui ajudar outro menininho que estava fazendo “cocô” no outro banheiro e também sem qualquer constrangimento ele me pediu o papel higiênico e se limpou e vestiu a roupa na minha frente e foi brincar.
O que puder perceber nessas duas situações com as crianças é que elas não têm os pudores que nós adultos temos, eles não tem o constrangimento que temos, eles tem tamanha inocência que os tornam inofensivos, ingênuos, desprotegidos, indefesos.
No meu entendimento, ao ler o capitulo 18 do livro de Mateus, quando Jesus ensina os discípulos que tem que ser como uma criança para entrar no reino do céu, não acredito que Ele esteja falando que temos que ser ingênuos ou desprotegidos, ou indefesos ou sem pudor, mas creio que Jesus está falando o que nos falta para entrar no céu é ter inocência de uma criança.
 Inocência segundo o dicionário Aurélio significa: Qualidade de inocente; falta de culpa; candura; pureza; ingenuidade. E o Significado de Inocente é: inofensivo; inócuo (que não faz dano); isento de culpa ou malicia; cândido; puro.
Ser inocente perante Deus não acredito que seja não ter culpas, pois Ele planejou um plano para nos salvar das nossas culpas, ou mesmo ser inocentes não seria sermos ingênuos, mas imagino Jesus falando sobre ser como criança em termos mais profundo, em sermos pessoas mais puras, sem malicia em nossos pensamentos, em nossas ações, termos uma mente sã perante os acontecimentos normais do mundo, não achar que tudo é pecado, tudo que nos cerca faz parte do pecado.
É um grande desafio ser inocente em meio a uma geração “Coca-Cola” de Renato Russo que estamos vivendo hoje, em um mundo onde o que se prega é ser o melhor, é esta nas paradas do sucesso, em um mundo onde quem tem mais influencia manda mais, onde prestigio e honras são buscadas a “ferro e fogo” por muitos; como é difícil ser “criança” nesse mundo de adultos onde tudo tem um preço, onde quem não tem expressão é tido como tolo, é tido como vassalo, é apenas mais um na caminhada, é um “Zé ninguém” em lugar nenhum; Qual é o limite entre ter sucesso e ser inocente?
Não creio que Jesus tenha problema em caminhar com quem faz sucesso ou tenha excelência no que faz, mas creio que o desafio seja maior para quem está nessa posição, pois além de ter que lidar com si próprio, ainda tem os que em todo tempo os elogiam, enaltecem suas qualidades, tem os que querem está próximo, querem autógrafos, tem os paparazzi que querem fotografar; Acredito que com todo esse olhar sobre essas pessoas, é no mínimo complicado ser Estrela inocente.
Um dia conheci um rapaz em Natal, uma cidade bonita no nordeste Brasileiro, que em determinado momento de sua vida, teve um tempo de fama, quando ainda era muito jovem e não soube lidar com essa notoriedade toda, e isso lhe causou enormes transtornos, pois a fama literalmente lhe subiu pela cabeça que quase o levou ao suicídio, ele apenas não conseguiu, mas tentou; ele me disse que o que lhe fez entrar no “mundo das drogas” ou tentar o suicídio foi a fama, foi a notoriedade que muitos buscam, foi ter sido visto na tv, ter estado ao lado dos famosos, dos globais, esse foi o caminho que quase o levou literalmente a morte.
Ser inocente ou ser como uma criança não é fácil, pois muitas situações nos levam a sermos maliciosos para não sermos enganados, ou diversas vezes temos que ser adultos o suficiente para podermos lutar por quem amamos, por quem devemos cuidar, mas temos que está sempre reavaliando nossas atitudes, nossos conceitos para podermos ter nossa vida de adulto no tempo certo, e sabermos em qual momento temos que ser como crianças para poder entrar no reino do céu. É difícil, mas não é impossível, pois se Jesus nos deu esse ensinamento é porque temos condições de aprender.
Joberson Lopes,         Samambaia 28 de março de 2011.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s